Startup Melhor Plano vence Seedstars World em Belo Horizonte

Startup Melhor Plano vence Seedstars World em Belo Horizonte

Considerada a startup mais promissora do ecossistema de Belo Horizonte pelo Seedstars World, a Melhor Plano venceu a etapa mineira da competição e agora segue para a final nacional, em São Paulo. O evento global, presente em mais de 80 países, aconteceu pela primeira vez na capital mineira e teve a participação de outras dez startups.

Os jurados Rafael Silva, da Unimed, Renata Petrovic, do Bradesco, Amanda Graciano da Biominas, Isabela Rugani da Venture Capital e Maria Noel da Seedstars assistiram aos pitches de cinco minutos de todas as startups, escolheram a Melhor Plano como a grande campeã da noite. Segundo e terceiro lugar ficaram com a Zippay e IndWise, respectivamente.

Acelerada pelo SEED MG nesta quarta rodada, a Melhor Plano é uma plataforma que compara planos de celular, banda larga, TV e telefone fixo e mostra qual operadora oferece a melhor oferta para o assinante. A solução já atraiu mais de 1,5 milhão de usuários para utilizar o serviço da empresa. Além disso, o programa conecta usuários com parceiros de venda, facilitando o processo de compra.

Para Pedro Israel, cofundador da Melhor Plano, a inscrição no evento serviu para perceber como os estrangeiros observam o nosso modelo de negócios. “A gente tem testado como a empresa é percebida do ponto de vista internacional. Esse foi o motivo de competir, e vencer foi uma alegria ainda maior”, comemora Pedro. É o segunda conquista da Melhor Plano em competições internacionais neste ano. A empresa também conquistou o segundo lugar no Startup Games, que aconteceu em setembro.

Organizadores e participantes do Seedstars Belo Horizonte

A gerente regional do Seedstars, Juliane Butty, que apresentou o evento, ressaltou o grande potencial empreendedor que Belo Horizonte possui. “Nós ficamos sabendo do San Pedro Valley e de BH, como a capital mais inovadora do Brasil. Por isso fizemos o evento na cidade, para conhecer e poder investir nas startups belo-horizontinas, mostrando para o mundo as oportunidades que existem aqui”, afirma.

Através da competição, a Seedstars tem o objetivo de impactar, promover e conectar startups de mercados emergentes com investidores. A vencedora da final nacional irá representar o Brasil na fase global, que acontece na Suíça em abril de 2018, podendo ganhar até 1 milhão de dólares em investimentos e prêmios. A organização também oferece um programa de aceleração de três meses com mentorias, parcerias e outros benefícios às startups selecionadas para o mundial.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *
You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>