Startup Melhor Plano vence Seedstars World em Belo Horizonte

Startup Melhor Plano vence Seedstars World em Belo Horizonte

Considerada a startup mais promissora do ecossistema de Belo Horizonte pelo Seedstars World, a Melhor Plano venceu a etapa mineira da competição e agora segue para a final nacional, em São Paulo. O evento global, presente em mais de 80 países, aconteceu pela primeira vez na capital mineira e teve a participação de outras dez startups.

Os jurados Rafael Silva, da Unimed, Renata Petrovic, do Bradesco, Amanda Graciano da Biominas, Isabela Rugani da Venture Capital e Maria Noel da Seedstars assistiram aos pitches de cinco minutos de todas as startups, escolheram a Melhor Plano como a grande campeã da noite. Segundo e terceiro lugar ficaram com a Zippay e IndWise, respectivamente.

Acelerada pelo SEED MG nesta quarta rodada, a Melhor Plano é uma plataforma que compara planos de celular, banda larga, TV e telefone fixo e mostra qual operadora oferece a melhor oferta para o assinante. A solução já atraiu mais de 1,5 milhão de usuários para utilizar o serviço da empresa. Além disso, o programa conecta usuários com parceiros de venda, facilitando o processo de compra.

Para Pedro Israel, cofundador da Melhor Plano, a inscrição no evento serviu para perceber como os estrangeiros observam o nosso modelo de negócios. “A gente tem testado como a empresa é percebida do ponto de vista internacional. Esse foi o motivo de competir, e vencer foi uma alegria ainda maior”, comemora Pedro. É o segunda conquista da Melhor Plano em competições internacionais neste ano. A empresa também conquistou o segundo lugar no Startup Games, que aconteceu em setembro.

Organizadores e participantes do Seedstars Belo Horizonte

A gerente regional do Seedstars, Juliane Butty, que apresentou o evento, ressaltou o grande potencial empreendedor que Belo Horizonte possui. “Nós ficamos sabendo do San Pedro Valley e de BH, como a capital mais inovadora do Brasil. Por isso fizemos o evento na cidade, para conhecer e poder investir nas startups belo-horizontinas, mostrando para o mundo as oportunidades que existem aqui”, afirma.

Através da competição, a Seedstars tem o objetivo de impactar, promover e conectar startups de mercados emergentes com investidores. A vencedora da final nacional irá representar o Brasil na fase global, que acontece na Suíça em abril de 2018, podendo ganhar até 1 milhão de dólares em investimentos e prêmios. A organização também oferece um programa de aceleração de três meses com mentorias, parcerias e outros benefícios às startups selecionadas para o mundial.

Primeiro Startup Games em BH começa com muitas conexões entre empreendedores e investidores

Primeiro Startup Games em BH começa com muitas conexões entre empreendedores e investidores

Um dia de conhecimento, jogos, pitches e conexões com investidores nacionais e estrangeiros que estão de olho em boas ideias e startups inovadoras. Essa é a atmosfera do Startup Games – competição internacional realizada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SEDECTES) e o Consulado Britânico, neste final de semana, no Inova Minas Fapemig, na Praça da Liberdade.

Inédito em Belo Horizonte, o evento é uma vitrine mundial para os negócios. Neste ano, 73 startups de todo o Brasil participam da competição; destas, 35 são do SEED – Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development, uma das maiores aceleradoras de startups da América Latina. Os participantes jogam por meio de um aplicativo que possibilita apresentarem seus negócios para possíveis investidores. Gostando do pitch, o investidor aplica um valor virtual na conta da startup. No final, ganha quem tiver maior investimento.

Momento de pitch

Para Andrew Humphries, criador do Startup Games, o evento é uma oportunidade para empreendedores pensarem de forma global, conectarem com investidores e conhecerem outros ecossistemas. “Vocês precisam acreditar nos seus sonhos e este evento oferece a chance de perceber que investidores também acreditam em suas startups”, afirma.

O contato com investidores foi um dos pontos mais importantes do game, segundo Bruna Kassab – CEO da Evoé, startup que fechou o dia na terceira colocação. “Fizemos muitas conexões, networking real com investidores, além de treinar pitch em inglês”, conta Bruna, garantindo ter se divertido durante todo o dia com o jogo.

Empreendedores e investidores durante competição na tenda

De acordo com subsecretário de Ciência, Tecnologia e Inovação da SEDECTES, Leonardo Dias, iniciativas como esta reforçam o investimento do Governo de Minas em Tecnologia e Inovação, que são dois dos pilares para o desenvolvimento do estado. “Minas Gerais possui o segundo maior ecossistema de empreendedorismo do país. Aqui estão grandes ideias e grandes startups. O Governo de Minas busca valorizar estes empreendedores e mantê-los em nosso estado”, afirma.

Seed recebe investidores da Bossa Nova e BMGUpTech

Seed recebe investidores da Bossa Nova e BMGUpTech

Startups que têm um bom time, já atuam em um mercado grande e que estão crescendo rapidamente. Este é o perfil que os investidores Pierre Schurmann e João Kepler Braga da Bossa Nova Investimentos e Rodolfo Santos, do BMG UpTech, buscaram no SEED, nesta semana.

Das cinco startups convidadas para conversar com os investidores, três receberam proposta. “As startups selecionadas atenderam às nossas expectativas. Agora, depende delas aceitarem nossa proposta e levantarem a documentação necessária”, explica João Kepler, garantindo que a Bossa Nova Investimentos aposta em startups em estágio de pré-seed – que já passaram pelo investimento anjo e aceleração. O aporte oferecido é uma tração para que as empresas alcancem o momento de SérieA, que é quando, normalmente, já faturam entre R$ 150 mil e R$ 200 mil.

 

O CEO da Load Control apresenta sua startup para os empreendedores

João Gustavo Claudino, CEO da Load Control, um dos escolhidos pelos investidores garante que o SEED foi a peça principal para esta conquista. “Aqui conseguimos conexões que não conseguiria sozinho”, afirma Claudino, garantindo que já levantou todos os documentos necessários para a parceria.

Veja as dicas dos especialistas para sua startup conquistar um investimento:
• Procure pela tese do investidor. No caso da Bossa Nova são negócios B2B, digitais, escaláveis e que estejam faturando próximo do break even, que é o ponto de equilíbrio operacional.
• Busque um investidor que seja da sua área. “Todos nós procuramos bons negócios” – João Kepler
• Deixe claro suas oportunidades de saída – as possibilidades de retorno do investimento.
• Procure faturar, gerando caixa para seu negócio. Pegue o dinheiro do seu cliente e invista na sua startup.

Movimento Amplifique abre inscrições para dois eventos de inovação e tecnologia

Movimento Amplifique abre inscrições para dois eventos de inovação e tecnologia

O Movimento Amplifique, uma rede aberta formada por pessoas que buscam soluções coletivas para a sociedade, está com inscrições abertas para dois eventos de inovação e tecnologia. Os encontros têm como foco soluções para fomentar o controle social no Estado.

A primeira rodada será no dia 11 de julho, das 19h às 22h, e vai debater o tema para qualquer interessado, desde que esteja inscrito. Já estão confirmados para o evento: Diego Calegari, da Plataforma Politize!; Marcelo Zenkner, promotor de Justiça do Estado do Espírito Santo; Matheus Moreira, do Fiscalize Agora e Diagnóstico Público; Rodolfo Viana, da Operação Serenata de Amor; Edmar Ferreira, da Rock Content; e Capi Etheriel, da Transparência Hacker.

Já o segundo evento será um hackathon de 47 horas entre 14 e 16 de julho, focado na criação de um aplicativo que promova a participação social nos serviços públicos. A maratona é voltada para programadores, desenvolvedores, designers gráficos, comunicadores, estudantes e profissionais da área de TI.

O hackathon terá 10 grupos com cinco participantes cada, que terão ajuda de mentores especialistas em tecnologia e em governo para apoiar o desenvolvimento das ideias. O coordenador do Sistema de Gestão de Convênios da Secretaria de Estado de Governo, Rafael Mazzieiro, apresentará a base de dados, e o subcontrolador de Governo Aberto da CGE, Márcio Almeida do Amaral, mostrará cases de transparência e escândalos de corrupção a partir de trabalhos de auditoria.

Os dois eventos serão realizados no Seed, na Praça Rui Barbosa, 104, no Centro de Belo Horizonte. As inscrições para os dois encontros devem ser feitas no site amplifique.cge.mg.gov.br

As inscrições e todas as informações estão no amplifique.cge.mg.gov.br.

A iniciativa é do Governo de Minas Gerais, por meio da Controladoria-Geral do Estado (CGE-MG) e Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (Fapemig), com apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), do Sistema Mineiro de Inovação (Simi) e do Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development (Seed).

Movimento Amplifique

O Movimento Amplifique faz parte do Plano Mineiro de Promoção da Integridade, lançado em dezembro do ano passado e publicado no Decreto nº 47.185. A ideia é promover uma rede de cidadãos e cidadãs que buscam soluções coletivas para problemas sociais, cobrando e orientando mudanças voltadas para o interesse de todos.

 

Por: SIMI

SXSW traz diversão e cultura maker para as crianças

SXSW traz diversão e cultura maker para as crianças

Por: Comunicação SEED

Nesta semana, o SEED desembarcou em Austin, nos EUA, para conferir tudo o que de mais tecnológico acontece no SXSW, considerado um dos mais importantes eventos de inovação, economia criativa e tecnologia do mundo!

Uma das primeiras exposições que visitamos foi a Create, um espaço que reúne impressoras 3D, drones e diversas outras soluções disruptivas que estão moldando o futuro.

 

 

 

 

O que de mais curioso observamos foi a quantidade de crianças presentes na exposição aprendendo e explorando a cultura maker. Lá, o público infantil teve contato com brinquedos relacionados à robótica e puderam fazer o próprio brinquedo, como uma caixinha de som com peças customizadas e personalizadas.